Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

Nunca mais levo o meu cão a passear...

06.10.08publicado por Gato Pardo

 

O distrito de Setúbal é sem dúvida uma terra de extremos...

Tem tortas de Azeitão...

Tem queijos que são de chorar por mais...

Tem trotil de cair pró lado...

E tem bandas tão extraordinárias, mas tão extraordinárias, que conseguem tornar o ORDINÁRIO no EXTRAORDINÁRIO...

Ouvi estes gajos uns bons tempos atrás e fiquei tão siderado com a profundidade das letras e as melodias envolventes, que nunca mais dei com este album, tão bem que o guardei...Hoje, foi um prazer ouvir isto de novo...Nem que seja para me rebolar no chão a rir...Aviso já que isto não é para corações mais sensíveis ou ouvidos de veludo...

 

 

Behind Enemy Lines...

06.10.08publicado por Gato Pardo

Sempre tive a forte convicção que ir às compras com mulheres era uma espécie de viagem às trincheiras inimigas...Não por medo da minha integridade física, mas porque eu sendo homem ir a uma loja de roupa pejada de mulheres, basicamente é o mesmo que uma actriz porno entrar por uma mesquita muçulmana dentro...NOT GOOD!!!

Este fim de semana vi-me no meio do maior campo de tiro feminino que conheço...Uma loja dentro de uma enooooorme superfície comercial...Mal meti pé lá dentro, percebi imediatamente que aquele não é o meu meio ambiente...Um bando de olhares que mais parecia um esquadrão de fuzilamento...Nota-se logo que invadi território inimigo...O engraçado disto tudo foi as ilações que retirei destes meus 20 minutos nas trincheiras inimigas...

As mulheres olham-se umas às outras como se fossem talibâs...Tudo o que mexe é alvo a abater...Receei verdadeiramente pela minha vida quando vi uma mulher com um sobretudo aproximar-se, não fosse ela abrir o casaco e sacar lá de dentro dum morteiro, uma bateria anti aérea e um contra torpedeiro...Tanto que me escondi por debaixo de um casaco cor de rosa da Hello Kitty na secção infatil dos 2 aos 4 anos e por lá fiquei agachado, qual gato pachorrento...

Vamos lá então às ilações...

Primeiro que tudo, as mulheres são competitivas por natureza...Logo, quando vêm uma peça de roupa que é do seu agrado, fazem uma vistoria da área circundante não vá haver outra mulher de olho nela...E nessa altura, que me pareceu ver o Lucky Luke dum lado e o Clint Eastwood de outro...Parece cena saída de faroeste ver duas mulheres à disputa de algo...Elas puxam, agarram, esgadelham-se...Só visto...

Segundo, um homem numa loja de mulheres precisa não só de uma bússula, mas também de um GPS, um mapa topográfico, um levantamento de imagens aéreas e possivelmente um guia com direito a sherpa e tudo...Porra, mas como é que vocês se orientam???A falta que o meu instrutor de condução me fez neste fim de semana...Julguei que ia ficar perdido por lá a morrer à fome tipo Tom Hanks e bola de voleiball na ilha deserta...

Terceiro e último ponto...Porque é que se aquilo é fila única, porque é que há mulheres que teimam em armarem-se em chicas espertas e cortar caminho tipo "Ah, deixa cá ver esta peça...Ah que gira...E agora esta que só por acaso está mesmo aquilo ao lado do balcão e ao lado desta senhora simpática que parece que está a atender pessoas..."

Lamento, mas apesar de estar em território inimigo, não me coibo de levantar um dedinho e dizer..."Ó madame, a fila prá cantina é deste lado..."

Resumindo...Da próxima vez que entrar neste mundo complexo que são as lojas femininas vou armado até aos dentes...E por via das dúvidas, levar a lancheira, não me perca eu lá dentro e não dê com a saída...